Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

Caprino


Instalações

Os alojamentos para caprinos leiteiros devem ser dimensionados para não haver desperdício de capital e a atividade consiga ser bem remunerada. As instalações para serem eficientes devem obedecer aos seguintes princípios:

- Proporcionar segurança e conforto aos animais;

- Oferecer um ambiente arejado, porém protegido de ventos e umidade;

- Facilitar o manejo dos animais e os trabalhos a serem desenvolvidos: alimentação, limpeza, desinfecção entre

- Não ser de construção muito cara para garantir a rentabilidade do empreendimento.

Pastagens

Apesar de não recomendarmos tal prática, orientamos algumas práticas para otimizar este sistema. introduzindo-se a rotação de pastagens, melhora-se sensivelmente a alimentação e reduz-se o nível de infestação verminótica . Para correto dimensionamento da quantidade de área necessária da criação devemos considerar a produção das gramíneas recomendadas em caprinocultura.

Por exemplo, Estrela Africana (9.000 a 12.000 Kg MS/ha/ano), Capim de Rhodes (8.000 a 10.000 Kg\MS/ha/ano). Quiquio (8 000 Kg /MS/ha/ano). Uma cabra adulta equivale a aproximadamente 0,1 U A. Considera-se também que há um desperdício de 30 a 40% dos pastos por pisoteio e poluição Assim para mantermos 10 cabras de aproximadamente 50 Kgs/an. devemos ter uma área de 0,8 a 1,0 ha.

Capineira

Não cabe aqui discutir como formar e manter uma capineira, mas sim estimar seu dimensionamento para utilizar na alimentação das cabras. Levando em conta uma produção media de 40 t. de M.S/ha de capim elefante e um consumo médio de 1,5 Kg por cabra adulta por dia, são necessários uma área de: 40.000: (1,5 x 365 d) = 73 m2, ou aproximadamente 80 m2 para cada cabra adulta, com urna área de segurança de 100%. Normalmente é necessário mesmo com o uso de capineira, a elaboração de forragens conservadas (feno e/ou silagem) para o inverno, quando as capineiras só produzem 20% do total da massa verde.

Capril

O capril é a instalação mais importante da criação e é nele, que os animais de produção passam a maior parte de suas vidas, e normalmente é onde o produtor investe grande parte de seu capital. Nesta instalação estão contidas: as baias de cabras secas e em lactação, as baias de cabritas(os), baias para recria, baias maternidade, baias de reprodutores, escritório, farmácia e sala de ração. Alguns proprietários optam por ter a sala de ordenha dentro do capril. A localização do mesmo deve tomar posição favorável ao trânsito interno na propriedade, dando fácil acesso às pastagens no caso de usar o pastoreio, ou próximo as capineiras, já que é no capril onde as maiores quantidades de forragens são consumidas.

Deve-se evitar a localização próxima a estradas, ou local onde haja muita circulação de pessoas e não construí-lo em locais úmidos ( em geral, nas partes baixas do terreno) aonde vente. A localização deve favorecer o acesso à energia elétrica e a água limpa. A disposição deve preferencialmente obedecer a orientação leste-oeste em seu maior comprimento, para que o sol faça sua trajetória em cima da cumieira e os solários tenham insolação constante durante o dia.

Baias para cabras secas e em lactação

As baias para cabras em lactação ou secas podem ser de dois tipos: individuais quando em criações de pequeno porte, ou coletivas para criações comerciais. Seu dimensionamento deve ser de 1,5 a 2,0 m2 por cabeça nos dois tipos de criação, variando esta medida segundo a raça criada. Como em geral os animais leiteiros são de maior porte, pode se generalizar em 2,0 m2/animal. Importante notar que no solário não deverá crescer nenhum tipo de vegetal, o que induz um piso apiloado ou cimento. O solário no caso dos animais em confinamento deve ter 6,0 m2/animal.

No caso de baias coletivas o número de animais não deve ser superior a 12, uma vez que lotes maiores favorecem mais atritos sociais. Depois de formado o lote este deve ser manejado em conjunto, ou seja, cobrir todas as cabras no menor tempo possível, evitando remanejar os animais entre lotes, pois isto é muito prejudicial na organização social das cabras, chegando a interferir até mesmo no seu comportamento alimentar.

Baias para cabritas(os)

Tendo por finalidade a exploração leiteira, são forçosas as separações das crias de suas mães. Para isso é necessário prover o capril de baias onde se alojem com conforto estes animais. Não é necessário separação por sexo do nascimento à desmama, podendo alojá-los numa mesma baia, porém no caso de explorações que também, usem a venda de reprodutores é interessante tal separação, uma vez que as fêmeas devem ter tratamento diferenciado dos machos. O espaço é de 0,5 m2/animal de área coberta mais uma área de solário de 2,0 m2/animal para que possam fazer exercícios. Esta área de exercício é bastante importante e não deve faltar para o bom desenvolvimento muscular dos cabritos e cabritas. O lote não deve ultrapassar 20 animais por questões de atritos sociais e facilidade de manejo, devendo na medida do possível este lote ser o mais uniforme possível, evitandoassim diferenças de idade muito grandes.

Baias para Recria

Estas baias são destinadas a receber as fêmeas que serão mantidas no plantel, ou as destinadas à venda como reprodutoras. Neste caso as fêmeas com mais de 4 meses são separadas dos machos e desmamadas, pois nesta idade ocorre a possibilidade de apresentar cios férteis, principalmente nas raças leiteiras que são mais precoces. O espaço é de 1,0 a 1,5 m2/animal. Em geral para as raças leiteiras é de 1,5 m2/animal. Os lotes devem ser de no máximo 10 animais.

Baias Maternidades

Quando a criação é de maior porte, e se trabalha com animais em lotes, é necessária a construção de baias maternidades no capril para facilitar o manejo, e dar melhor condições de higiene e segurança às cabras e suas crias. Recomenda-se que a construção das maternidades deve ser em locais onde o movimento seja mínimo, porém com boa visibilidade para os empregados poderem intervir a tempo caso haja problemas no parto. O espaço deve ser de 4,0 m2/animal, sendo de preferência baias individuais ou no máximo, para 3 fêmeas. A quantidade de baias maternidades vai depender do número de matrizes e da eficiência do controle reprodutivo da criação. Como os animais passarão pouco tempo nestas baias (uma semana antes e 3-4 dias após o parto) para uma criação de 50 fêmeas onde haja controle de coberturas, 2 a 3 baias são suficientes.

Baias para Reprodutores

É recomendada baia individual para reprodutores, pois a cabra é que deve se dirigir à baia do macho. O espaço deve ser de 3 m2 com uma área de exercício de 5 m2. Para que o cheiro característico dos machos não passe para o leite, é necessário que estas baias não fiquem localizadas no capril, mas sim, no mínimo a 200 m. de distância. Esta medida é importante para os produtores que irão comercializar leite ou queijo de cabra.

Sala de Ração

O uso de ração é normal em explorações leiteiras, para tanto há de se prover um local onde armazená-las, e que seja fácil sua distribuição.Em geral recomenda-se que esta sala localize-se próxima ao local de ordenha, onde é feita a distribuição de ração conforme a produção leiteira.

Escritório e Farmácia

A anotação em fichas zootécnicas é indispensável numa exploração leiteira, assim como a guarda de materiais e medicamentos. Com um único local no capril de 6,0 m2 é possível a locação destas fichas e medicamentos, independente do tamanho da criação.

Observações:

  • Piso de baias deve ser ripado, com ripa de 5 cm de largura com distancia entre ripas de 2 cm. para animais adultos, e 1,5 cm entre ripas para piso de animais jovens; 
  •  Os Cochos devem ficar do lado de fora das baias para facilitar a distribuição de alimentos. A Altura do solo para animais adultos é de 0,5 m e para animais jovens é de 0,15m;
  • Os bebedouros devem ficar na parte de fora das baias, de preferência na área de exercício. O mais recomendável é o de nível constante.

Local para Ordenha

O local para ordenha deve ficar próximo as baias das cabras, e o mais distante possível das baias dos machos, para evitar a contaminação de odores indesejáveis. Podem ser no caso de pequenas criações de 50 matrizes, chegando em alguns casos a plataformas com ordenha mecânica para criações com mais de 150 matrizes.

Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados